Atitudes que fazem você perder o direito de dirigir sem atingir 20 pontos

Hoje quero que você saiba, para que se preserve e não cometam as infrações que levam, sozinhas, à suspensão do direito de dirigir.

Desde 1º de novembro/2017, penas mais pesadas para os motoristas infratores estão valendo em todo o país, então confira, quais são as infrações que podem fazer você perder a CNH.

Sabia que o número de motoristas com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa estão subindo?E isso não ocorre só com os “maus motoristas” que são infratores assíduos, pode ocorrer também com motoristas exemplares, que nunca tiveram nenhuma multa e você também pode ter a CNH suspensa.

Com essa inovação, o que muita gente não sabe é que uma única infração gravíssima pode causar a suspensão da sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH). E com as novas regras que passaram a valer em todo o Brasil no dia 1º de novembro, o período mínimo de suspensão para quem comete essas infrações passou de um para seis meses.

Por isso, precisamos te alertar para as:

Dez atitudes que tiram o direito de dirigir dos motoristas sem atingir 20 pontos no período de um ano:

  1. Dirigir depois de beber: multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH por 12 meses.
  2. Recusar o teste do bafômetro: multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH por 12 meses.
  3. Ultrapassar entre veículos que estão transitando em sentidos opostos: multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH de 6 a 8 meses.
  4. Disputar corrida (racha): multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH de 6 a 8 meses.
  5. Deixar de prestar ou providenciar socorro à vítima ou de evitar perigo para o trânsito em caso de envolvimento em acidente de trânsito: multa de R$ 1.467,35 e suspensão da CNH de 6 a 8 meses.
  6. Transitar em velocidade acima de 50% à máxima permitida: multa de R$ 880,41 e suspensão da CNH de 6 a 8 meses.
  7. Fugir de bloqueio policial: multa de R$ 293,47 e suspensão da CNH de 6 a 8 meses.
  8. Pilotar moto sem capacete ou vestuário adequado: multa de R$ R$ 293,47 e suspensão da CNH de 6 a 8 meses.
  9. Pilotar moto com os faróis apagados: multa de R$ 293,47 e  suspensão da CNH de 6 a 8 meses.
  10. Transportar na moto crianças com menos de 7 anos: multa de R$ 293,47 e suspensão da CNH de 6 a 8 meses.

Se você cometeu uma dessas infrações, você vai ser notificado pelo Detran sobre a abertura do processo administrativo de suspensão do direito de dirigir e terá o direito de apresentar defesa, conforme garante a lei.

Como recorrer da suspensão da CNH?

Da suspensão do direito de dirigir pode-se recorrer 3 (três) vezes administrativamente: Defesa Prévia, Recurso de 1ª Instância (JARI) e o recurso de 2ª Instância (CETRAN).

O recurso deve ser personalizado e o prazo que vem na notificação deve ser observado, pois se assim não for o recurso não será aceito.

É importante recorrer até o final, pois as chances aumentam e as turmas julgadoras ficam mais específicas.

Enquanto os recursos não forem apreciados, você poderá continuar dirigindo normalmente.

Caso os recursos não sejam aceitos, assim que tiver a suspensão decretada você deve entregar a sua habilitação e, a partir de então, cumprir a pena estabelecida. Também é necessário passar por um curso de reciclagem com carga horária de 30 horas. Depois de cumprir a suspensão você deve apresentar o certificado do curso ao Detran para ter de volta o direito de  dirigir.

Também é importante contar com pessoas qualificadas, para que seu recurso seja feito da melhor forma possível e que nele sejam abordados os tópicos corretos, dando mais chances a anulação da penalidade de multa.

 

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato comigo, ficarei feliz em ajudá-lo.

Fonte: Detran.SP

Erica

Meu nome é Erica Avallone, tenho 26 anos e sou advogada. Estou aqui para informá-los sobre seus direitos e ajudá-los a protegê-los.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *