Mudança no CTB coíbe transporte clandestino de passageiros

No dia 7 de outubro, entrou em vigor dentro do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) uma nova lei que confere mais rigor à fiscalização quanto ao transporte irregular de passageiros.

Motoristas de ônibus, vans e carros de passeio que realizarem transporte remunerado de pessoas ou bens sem a devida autorização, passam a cometer infração gravíssima, caso sejam flagrados.

O valor da multa passou de R$ 130,16 para R$ 293,47. A infração mudou de média (4 pontos) para gravíssima (7 pontos), além da remoção do veículo. Caso seja transporte escolar, a multa é multiplicada por cinco, com valor de R$ 1.467,35.

As mudanças também passam a valer para os motoristas de aplicativos que realizarem o transporte remunerado de pessoas de forma diferente do que regulamenta o serviço.

A alteração foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro em julho deste ano.

Espero que vocês gostem das minhas dicas.

Se precisar de ajuda ou ainda tiver alguma dúvida sobre o tema, pode me contatar clicando aqui ou pelo e-mail: erica@avallonelima.com.br
Conheça o meu Kit da Lei Seca clicando aqui e conheça uma nova área de atuação.
Compartilhe!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.