Como ganhar dinheiro como estudante ou bacharel de direito

Como ganhar dinheiro como estudante ou bacharel de direito

Não é de conhecimento geral, mas existem áreas do direito onde você pode começar a atuar ainda enquanto estudante ou antes de ser aprovado na OAB?

E os retornos financeiros são dignos de um advogado!

Direito de Trânsito

O Direito de Trânsito é um ramo do direito administrativo punitivo e como tal, visa punir os infratores, aplicando penalidades de multa, suspensão do direito de dirigir ou cassação da habilitação, através da instauração de um processo administrativo.

Nesse caso, como em todo processo punitivo, é oferecido ao infrator a oportunidade de se defender contra a penalidade. Porém, raramente um condutor, que não tenha pelo menos uma noção de normas e princípios do Direito, vai conseguir elaborar uma peça suficientemente embasada para conseguir se defender.

E é nesses casos onde entra o estudante de direito ou o bacharel.

Como na fase administrativa não é necessário ser advogado para assessorar o condutor ou proprietário do veículo na elaboração e montagem dos recursos, é perfeitamente possível que o estudante ou bacharel ofereça os conhecimentos adquiridos na faculdade de direito para prestar esse serviço, cobrando honorários pela montagem da peça.

Em média, um profissional (aluno ou bacharel) tem retornos financeiros iniciais entre R$ 5.000,00 e R$ 8.000,00 mensais, já que esse tipo de serviço visa o volume de processos.

E quantos condutores são multados todos os meses em sua cidade?

Faça uma pesquisa inicial no site do IBGE e consulte a frota de veículos existentes na sua cidade ou região. A partir disso, você já pode ter uma ideia inicial do mercado existente.

Vantagens de atuar ainda estudante

Uma das grandes vantagens de se começar a atuar durante a faculdade é que os processos administrativos possuem muitas semelhanças com os processos judiciais: Têm prazos, ritos procedimentais, instâncias recursais; a elaboração da peça administrativa é semelhante a uma petição inicial, tem cabeçalho, qualificação da parte, descrição de fatos, fundamentos jurídicos com doutrinas e jurisprudências, além dos pedidos finais.

Isso faz com que o estudante se habitue à montagem das peças, o que aumentam as chances de aprovação no exame de ordem.

Outro aspecto que deve ser considerado, é que cada um desses clientes que foram defendidos pelo estudante ou bacharel, são prospectos de um futuro escritório de advocacia, ou seja, é uma carteira de clientes antecipada, o que a maioria dos advogados não possui.

Não existe crise para os advogados que já começaram a pensar em suas carreiras muito antes de se formarem, buscando atuar e se especializar em uma área fora dos padrões estabelecidos pelas faculdades de direito, áreas como o Direito de Trânsito, onde a concorrência é irrelevante.

Se precisar de ajuda ou ainda tiver alguma dúvida sobre o tema, clique aqui ou pelo e-mail:  erica@avallonelima.com.br
Mentoria para advogados em Direito de Trânsito preencha o formulário clicando aqui

Site  | Facebook  | Instagram Linkedin  | Canal no Youtube  | Pinterest 

Conheça o meu Kit da Lei Seca clicando aqui e conheça uma nova área de atuação

Compartilhe!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.